Carrapato

Carrapato
Nome científico: Ixodoidea
Comprimento: de 0,03 cm a 2 cm
Formato do corpo: antes de se alimentar são achatados, porém após a alimentação ficam esféricos
Cor: preto, marrom, preto e vermelho, preto e amarelo, avermelhado (varia de acordo com a espécie)
Região onde se encontra: em quase todas as regiões do planeta

Os carrapatos hoje constituem o segundo maior grupo em importância como vetores de doenças infecciosas por utilizarem mais de um hospedeiro e possuírem ampla distribuição geográfica. No caso do gênero Amblyomma e Ixodes as larvas podem ser encontradas sobre qualquer animal. O maior potencial e risco para a transmissão de patógenos para seres humanos são em regiões de florestas, cerrados nativos, descampados e pastagens. Os fatores que favorecem a transmissão desses patógenos são a quantidade de parasitas sobre o hospedeiro, menor grau de especificidade dos carrapatos e longos períodos de jejum. O processo de alimentação e transmissão de patógenos se dá pelo aparelho bucal do carrapato que penetra profundamente na pele do hospedeiro, permanecendo fixado através do hipostômio e pela solidificação da secreção salivar. Ao provocar laceração dos tecidos e vasos sanguíneos, o carrapato ingere sangue e outros líquidos tissulares dos hospedeiros e regurgita saliva, principal via de inoculação de patógenos.

 

SOLICITAR INSPEÇÃO

Enviar WhatsApp